logo

Termo(s) de pesquisa:
OR_Sandra Jatahy Pesavento []
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 3
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: TRUSZ, Alice Dubina

Título: Entre lanternas mágicas e cinematógrafos: as origens do espetáculo cinematográfico em Porto Alegre

Orientador: Sandra Jatahy Pesavento

Universidade: Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Instituição/Programa: - Programa de Pós-Graduação em História

Grau: Doutorado

Data de defesa: 01.11.2008

AutorTRUSZ, Alice Dubina
TítuloEntre lanternas mágicas e cinematógrafos: as origens do espetáculo cinematográfico em Porto Alegre
OrientadorSandra Jatahy Pesavento
UniversidadeUniversidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em História
Abragência do estudo1861-1908
GrauDoutorado
Data de entrega2008
Data de defesa01.11.2008
Descrição físicav.1; 205 f.
DisponibilidadeBiblioteca SCSH
Fontecapes.gov.br / lume.ufrgs
PublicaçãoTRUSZ, Alice Dubina. Entre lanternas mágicas e cinematógrafos: as origens do espetáculo cinematográfico em Porto Alegre - 1861-1908. São Paulo, Terceiro Nome/Iniciativa Cultural, 2010.
ResumoEste estudo histórico sobre as origens do espetáculo cinematográfico em Porto Alegre investiga as práticas que caracterizaram a exploração comercial do cinematógrafo para fins de entretenimento desde a sua introdução na cidade em novembro de 1896 até a abertura das primeiras salas permanentes especializadas na exibição cinematográfica, em 1908, e que deram início ao processo de sedentarização da atividade exibidora. O cinema não surgiu como um gênero espetacular acabado e tampouco foi uma prática inédita enquanto espetáculo de projeções, mas esteve estreitamente vinculado à tradição dos espetáculos de projeções de lanterna mágica do século XIX, o que explica a extensão da pesquisa a 1861. Entre 1896 e 1908, o cinematógrafo deixou de ser apenas uma nova invenção técnica e uma nova modalidade de projeção de imagens ópticas para se constituir e afirmar como novo gênero espetacular, autônomo de outras práticas culturais que lhe foram anteriores e contemporâneas e com os quais estabeleceu diferentes formas de associação. Ao longo deste período, o cinematógrafo foi explorado comercialmente de modo descontínuo e temporário por diferentes exibidores cinematográficos itinerantes que ocuparam centros de diversões já existentes e criaram espaços especializados de exibição, propondo distintos modos de organização do espetáculo e dos programas. A heterogeneidade da exibição também facultou um acesso diversificado do público ao cinema e possibilitou uma grande variedade nas formas de sua apropriação pelos espectadores, conferindo uma dinâmica ímpar ao processo de afirmação do cinema como gênero espetacular específico e nova prática cultural.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



2 / 3
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: CUTY, Jeniffer Alves

Título: Cinema e cidade: Porto Alegre entre a lente e a retina

Orientador: Sandra Jatahy Pesavento

Universidade: Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Grau: Mestrado

Data de defesa: 2006

AutorCUTY, Jeniffer Alves
TítuloCinema e cidade: Porto Alegre entre a lente e a retina
OrientadorSandra Jatahy Pesavento
UniversidadeUniversidade Federal do Rio Grande do Sul - Faculdade de Arquitetura, Porto Alegre
GrauMestrado
Data de entrega2006
Data de defesa2006
Descrição físicav.1; 184 f.
DisponibilidadeBiblioteca Central UFRS; Biblioteca Universidade Mackenzie
Fonteverum.pucrs.br / lume.ufrgs.br
ResumoA investigação da metrópole contemporânea a partir do cinema comporta o recorte de imagens produzidas em diferentes tempos e contextos, promovendo assim uma análise pendular e intertextual sob a ótica do imaginário urbano. Cruzar o olhar crítico e poético da cidade, captado pelo cinema de impressão, com a produção híbrida de filmes que abordam aspectos cotidianos da cidade de Porto Alegre é um dos objetivos desta dissertação, assim como revelar quais camadas de tempo e quais interfaces físicas e sociais estão sendo representadas por esta filmografia. A representação da cidade filmada encontra-se num universo tanto próximo das práticas individuais quanto universais. Parte-se então da leitura superposta de filmes curta-metragens produzidos no contexto porto-alegrense, entre as décadas de 1970 e 90, organizados aos pares, e entendidos como fragmentos capazes de promoves a reflexão palimpséstica da cidade. A metodologia adotada para radiografiar a cidade filmada fundamenta-se nas técnicas de montagem desenvolvidas por Walter Benjamin.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



3 / 3
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: ROSSINI, Miriam de Souza

Título: As marcas do passado: o filme histórico como efeito de real

Orientador: Sandra Jatahy Pesavento

Universidade: Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Instituição/Programa: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas - Programa de Pós-Graduação em História

Grau: Doutorado

Data de defesa: 23.07.1999

AutorROSSINI, Miriam de Souza
TítuloAs marcas do passado: o filme histórico como efeito de real
OrientadorSandra Jatahy Pesavento
UniversidadeUniversidade Federal do Rio Grande do Sul - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Porto Alegre
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em História
Abragência do estudo1969-1979
GrauDoutorado
Data de entrega1999
Data de defesa23.07.1999
Descrição físicav.1; 409 f.
DisponibilidadeBiblioteca Setorial CSH
Fontebiblioteca.ufrgs.br / capes.gov.br
ResumoO objetivo deste trabalho é compreender o modo pelo qual o cinema vem reconstruindo a história nas suas narrativas, e quais as implicações do uso do filme de reconstituição histórica no trabalho do historiador. A aproximação entre os dois campos – cinema e história – é tratada a partir da noção de efeito de real, que produz representações verossímeis. Tal enfoque permite ao historiador adentrar no imaginário de uma época e, assim, ver que aspectos do passado foram resgatados a fim de falar ...]
ObservaçãoTambém aparece com 382 p. Cnco anexos (p.394-412).
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
Pesquisar (apenas um termo por linha):
no campo:
 
1     
2   
3