logo

Termo(s) de pesquisa:
OR_Meize Regina de Lucena Lucas []
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 6
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: CAMURÇA, Rodrigo Capistrano

Título: Vivendo a utopia do presente: a cidade de Fortaleza na produção audiovisual do Coletivo Alumbramento (2006-2011)

Orientador: Meize Regina de Lucena Lucas

Universidade: Universidade Federal do Ceará

Instituição/Programa: Centro de Humanidades - Programa de Pós Graduação em História

Grau: Doutorado

Data de defesa: 2018

AutorCAMURÇA, Rodrigo Capistrano
TítuloVivendo a utopia do presente: a cidade de Fortaleza na produção audiovisual do Coletivo Alumbramento (2006-2011)
OrientadorMeize Regina de Lucena Lucas
UniversidadeUniversidade Federal do Ceará - Centro de Humanidades, Fortaleza
Instituição/ProgramaPrograma de Pós Graduação em História
Abragência do estudo2006-2011
GrauDoutorado
Data de entrega2018
Data de defesa2018
Descrição físicav.1; 272 f.; ilustrado com 33 imagens.
DisponibilidadeBiblioteca UFC
Fonterepositorio.ufc.br
ResumoPartindo da produção cinematográfica desenvolvida no estado do Ceará, esta pesquisa desenvolve uma reflexão sobre os filmes realizados na e sobre a cidade de Fortaleza. O crescimento acelerado da capital cearense nas últimas décadas e o surgimento de alguns espaços de formação na área de cinema contribuíram para que fosse dada uma maior atenção, por parte dos cineastas mais experientes e dos novos realizadores, às suas práticas e vivências urbanas, dando a ver nos filmes uma cidade múltipla em lugares e personagens, também desejosa em querer se afirmar metrópole. Atualizando essa discussão para a primeira década do século XXI, nos deteremos nas condições que garantiram a criação de um coletivo de realização em audiovisual em Fortaleza intitulado Alumbramento. A pesquisa se concentrará na atuação desse grupo em sua primeira fase de existência (2006-2011). Traremos para a reflexão desenvolvida alguns filmes realizados pelo coletivo que problematizam a cidade, colocando-a no primeiro plano dos seus gestos de atuação. A partir das inquietações suscitadas pelo tempo presente, analisaremos o que esses realizadores buscaram desenvolver em suas propostas de criação e invenções possíveis. Para tanto, utilizaremos entrevistas com os realizadores, arquivos pessoais, catálogos de mostras, revistas, jornais e sites que desenvolveram textos críticos e reflexões acerca desse universo cinematográfico. Porém, são os filmes que ocupam um espaço central em nossa análise, os quais nos apoiarão no que concerne à materialidade de algumas obras específicas e ao seu entorno extrafílmico.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



2 / 6
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: TEIXEIRA, Karoline Viana

Título: A orgia dos sentidos: a construção do corpo nas imagens de Olympia, de Leni Riefenstahl

Orientador: Meize Regina de Lucena Lucas

Universidade: Universidade Federal do Ceará

Instituição/Programa: Centro de Humanidades - Programa de Pós-Graduação em História Social

Grau: Mestrado

Data de defesa: 01.09.2008

AutorTEIXEIRA, Karoline Viana
TítuloA orgia dos sentidos: a construção do corpo nas imagens de Olympia, de Leni Riefenstahl
OrientadorMeize Regina de Lucena Lucas
UniversidadeUniversidade Federal do Ceará - Centro de Humanidades, Fortaleza, 2008
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em História Social
GrauMestrado
Data de entrega2008
Data de defesa01.09.2008
Descrição físicav.1; 188 f.; Ilustrado com 62 imagens.
DisponibilidadeBiblioteca UFC
Fonterepositoriobib.ufc.br
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



3 / 6
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: LIMA, José Bruno Araújo

Título: Passado e presente no processo de criação do sistema visorama

Orientador: Meize Regina de Lucena Lucas

Universidade: Universidade Federal do Ceará

Instituição/Programa: Instituto de Cultura e Arte - Programa de Pos-Graduação em Comunicação

Grau: Mestrado

Data de defesa: 30.08.2011

AutorLIMA, José Bruno Araújo
TítuloPassado e presente no processo de criação do sistema visorama
OrientadorMeize Regina de Lucena Lucas
UniversidadeUniversidade Federal do Ceará - Instituto de Cultura e Arte, Fortaleza
Instituição/ProgramaPrograma de Pos-Graduação em Comunicação
GrauMestrado
Data de entrega2011
Data de defesa30.08.2011
Descrição físicav.1; 100 f.
DisponibilidadeBiblioteca UFCE
Fonterepositorio.ufc.br
ResumoA dissertação analisa o processo de criação do sistema de realidade virtual e multimídia Visorama, criado em parceria entre a Escola de Comunicação da UFRJ e o Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) e coordenado pelos pesquisadores André Parente e Luiz Velho. A pesquisa tem como objeto analisar a dinâmica passado-presente na concepção de um sistema panorâmico imersivo contemporâneo (Visorama), concebido com base nos sistemas panorâmicos do século XIX. Apresenta um histórico cronológico, pretensões e objetivos da pesquisa e como a questão passado-presente foi estabelecida durante todo o processo de produção do sistema. A análise desse processo toma como base entrevistas realizadas com os pesquisadores coordenadores do projeto e de documentos produzidos entre os anos de 1996 e 2007. É feita uma discussão de como as chamadas “novas tecnologias”, em alguns casos, apresentam uma mudança técnica, mas fazem uso de tecnologias ditas “superadas” ou antigas. A questão da dinâmica do tempo é apresentada também do ponto de vista tecnológico – como procedimentos e problemas de séculos passados podem ainda estar presentes em uma produção contemporânea. Por fim, apresentamos os projetos que fizeram uso do sistema e suas relações com os espaços expositivos.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



4 / 6
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: CARLOS, Gustavo Colares Melo

Título: Situação de mídia: os meios de comunicação na filmografia de Pedro Almodóvar

Orientador: Meize Regina de Lucena Lucas

Universidade: Universidade Federal do Ceará

Instituição/Programa: Instituto de Cultura e Arte - Mestrado em Comunicação

Grau: Mestrado

Data de defesa: 06.08.2010

AutorCARLOS, Gustavo Colares Melo
TítuloSituação de mídia: os meios de comunicação na filmografia de Pedro Almodóvar
OrientadorMeize Regina de Lucena Lucas
UniversidadeUniversidade Federal do Ceará - Instituto de Cultura e Arte, Fortaleza
Instituição/ProgramaMestrado em Comunicação
GrauMestrado
Data de entrega2010
Data de defesa06.08.2010
Descrição físicav.1; 171 f.
DisponibilidadeBiblioteca Comunitária UFCE
FilmografiaFilmografia de Pedro Almodóvar.
Fonterepositoriobib.ufc.br
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



5 / 6
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: SILVA, Laércio Theodoro da

Título: Parahyba masculina feminina neutra: cinema (in)direto, super 8, gênero e sexualidade (Paraíba, 1979-1986)

Orientador: Meize Regina de Lucena Lucas

Universidade: Universidade Federal do Ceará

Instituição/Programa: Departamento de História - Programa de Pós-Graduação em História Social

Grau: Mestrado

Data de defesa: 01.08.2012

AutorSILVA, Laércio Theodoro da
TítuloParahyba masculina feminina neutra: cinema (in)direto, super 8, gênero e sexualidade (Paraíba, 1979-1986)
OrientadorMeize Regina de Lucena Lucas
UniversidadeUniversidade Federal do Ceará - Departamento de História, Fortaleza
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em História Social
Abragência do estudo1979-1986
GrauMestrado
Data de entrega2012
Data de defesa01.08.2012
Descrição físicav.1; 227 f.; ilustrado com 75 imagens.
DisponibilidadeBiblioteca CH
Fontecapes.gov.br / repositoriobib.ufc.br
ResumoA presente dissertação estuda a produção cinematográfica em Super 8 no estado da Paraíba, que se deu a partir de 1979 - ano de realização do documentário Gadanho, de Pedro Nunes e João de Lima - e estendeu-se até 1986. O estudo empreende a análise das experiências cinematográficas superoitistas no estado a partir de seus diálogos com a cinematografia brasileira dos anos 1960 e 1970, pensando também o próprio cenário paraibano. A produção superoitista na Paraíba encontrou um campo cinematográfico marcado por tradições que remontam à década de 1960 e que concebe o documentário Aruanda (1960), de Linduarte Noronha, como fundante de uma forma de pensar e fazer cinema. Focar-se-á os filmes Super 8 que versam sobre as representações de gêneros e expressões da sexualidade. A análise apreende o processo de produção desses filmes e as representações acerca do feminino e do masculino, que empreenderam uma crítica aos estereótipos sobre a mulher e o homem nordestino, em especial, o paraibano. Nesse sentido, esses filmes empenharam-se numa política da visibilidade, tendo como mote principal a desconstrução da personagem homossexual, lançando novos questionamentos sobre as práticas e representações da sexualidade. Buscando compreender o processo de circulação dessas obras, problematizaremos os espaços percorridos por essa produção, como a Universidade Federal da Paraíba, os cineclubes e Mostras de Cinema Independente. Com efeito, problematizam-se as diversas leituras e as guerras de representações acerca das temáticas dos filmes e das próprias películas no formato Super 8 num processo de afirmação da produção enquanto objeto cultural dentro do campo cinematográfico.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



6 / 6
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: LIMA, Francisco Gildemberg

Título: Os cinemas católicos: moral e decência na cidade de Fortaleza (1913-1930)

Orientador: Meize Regina de Lucena Lucas

Universidade: Universidade Federal do Ceará

Instituição/Programa: - Programa de Pós-Graduaçãoe em História

Grau: Mestrado

Data de defesa: 01.08.2012

AutorLIMA, Francisco Gildemberg
TítuloOs cinemas católicos: moral e decência na cidade de Fortaleza (1913-1930)
OrientadorMeize Regina de Lucena Lucas
UniversidadeUniversidade Federal do Ceará, Fortaleza
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduaçãoe em História
Abragência do estudo1913-1930
GrauMestrado
Data de entrega2012
Data de defesa01.08.2012
Descrição físicav.1; 198 f.
DisponibilidadeBiblioteca CH
Fontecapes.gov.br / ufc.br
ResumoA presente pesquisa tem como objetivo analisar a relação entre a Igreja Católica e o cinema em Fortaleza, desde suas primeiras manifestações de posicionamento em 1913 até o ano de 1930, onde grupos católicos ligados à imprensa construíram um discurso contra as salas de exibição de filmes, no qual as responsabilizava pela criação de hábitos considerados impróprios, sendo assimilados principalmente pelas mulheres, fazendo-as correr o risco de se desvirtuar de seu papel de mãe zelosa e esposa companheira e fiel. Comisso, grupos como o Círculo Operário São José e a Ordem dos Capuchinhos criam suas próprias salas de cinema no intuito de usar a mesma tecnologia na instrução correta da população segundo os princípios e códigos de conduta cristãos. Logo, passam a fazer parte da rede comercial os cines São José e Pio X, exibindo filmes considerados apropriados às famílias e criando normas de comportamento adequado para o público visando proteger sua moral.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
Pesquisar (apenas um termo por linha):
no campo:
 
1     
2   
3