logo

Termo(s) de pesquisa:
OR_Carlos Eduardo Albuquerque Miranda []
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 8
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: FERREIRA, Luiz Gustavo Gasparini Costa

Título: Cinema ignorante: a arte e o convite ao comum em uma escola de ensino médio e fundamental

Orientador: Carlos Eduardo Albuquerque Miranda

Universidade: Universidade Estadual de Campinas

Instituição/Programa: Faculdade de Educação - Programa de Pós-Graduação em Educação

Grau: Mestrado

Data de defesa: 27.11.2020

AutorFERREIRA, Luiz Gustavo Gasparini Costa
TítuloCinema ignorante: a arte e o convite ao comum em uma escola de ensino médio e fundamental
OrientadorCarlos Eduardo Albuquerque Miranda
UniversidadeUniversidade Estadual de Campinas - Faculdade de Educação, Campinas
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em Educação
GrauMestrado
Data de entrega2020
Data de defesa27.11.2020
Descrição físicav.1; 144 f.; ilustrado com 166 imagens.
DisponibilidadeBiblioteca Central Unicamp
Fonterepositorio.unicamp.br
ResumoO objetivo deste trabalho é apresentar uma proposta de cinema ignorante que pode estabelecer posições de igualdade das inteligências entre professor e alunos para que o ensino de arte trabalhe com a emancipação. Para essa proposta, é necessário convidar o comum e torcer para que ele aceite o convite. Convidar significa, aqui, dar passagem aos agenciamentos coletivos e deixar que o encontro aconteça. Em um primeiro momento, abordaremos algumas possibilidades de convidar o comum e como esta pode ser uma relação "abstrata" em uma comunidade. Logo, a pesquisa se fragmenta em três partes: sobre abstração e comunidade, sobre os relatos e experimentações com alunos na escola quando a violência de uma parede pintada de azul impulsiona o convite do comum (Antes do azul) e, por último, sobre a relação da comunidade com o cinema ignorante e sua produção (Depois do azul). Por se tratar de cinema e criação artística, a proposta visual é transmitir para o leitor uma perspectiva de um possível filme por meio do storyboard (série de imagens ou desenhos, em papel, que mostram a progressão de um vídeo ou animação), dialogando com a pesquisa o filme a ser realizado pelas câmeras, ou de preferência, já existindo na mente criativa do leitor. [...]
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



2 / 8
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: RIGOTTI, Gabriela Fiorin

Título: A ciranda do pertencimento em “O triunfo da vontade” de Leni Riefensthal

Orientador: Carlos Eduardo Albuquerque Miranda

Universidade: Universidade Estadual de Campinas

Instituição/Programa: Faculdade de Educação - Programa de Pós-Graduação em Educação

Grau: Mestrado

Data de defesa: 22.02.2006

AutorRIGOTTI, Gabriela Fiorin
TítuloA ciranda do pertencimento em “O triunfo da vontade” de Leni Riefensthal
OrientadorCarlos Eduardo Albuquerque Miranda
UniversidadeUniversidade Estadual de Campinas - Faculdade de Educação, Campinas
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em Educação
GrauMestrado
Data de entrega2005
Data de defesa22.02.2006
Descrição físicav.1; 88 f.; ilustrado.
DisponibilidadeBiblioteca Central Unicamp
Fonterepositorio.unicamp.br
ResumoEsta é uma proposta de investigação sobre a construção de uma narrativa cinematográfica em consagração ao nacionalismo no filme "O Triunfo da Vontade" de Leni Riefenstahl. Nesta busca, procura-se compreender a construção de imagens alegóricas que, inferidas pelo produto fílmico e legitimadas pelos valores e anseios do III Reich, serviriam para corroborar suas aspirações pela raça pura e pelo nacionalismo como sentimento de pertencimento à nação - aludindo e ajudando a construir uma persistente estética de filmagem. O objetivo central desta pesquisa, portanto, é o estudo da forma estética deste filme e de sua persistência na memória contemporânea, buscando-se entender os ideais políticos intrínsecos ao III Reich e - para além dele - aos regimes totalitários
ObservaçãoTrês anexos (p.77-88).
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



3 / 8
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: COPPOLA, Gabriela Domingues

Título: Educação do vestir: roupas, memória e cinema

Orientador: Carlos Eduardo Albuquerque Miranda

Universidade: Universidade Estadual de Campinas

Grau: Mestrado

Data de defesa: 17.02.2006

AutorCOPPOLA, Gabriela Domingues
TítuloEducação do vestir: roupas, memória e cinema
OrientadorCarlos Eduardo Albuquerque Miranda
UniversidadeUniversidade Estadual de Campinas - Faculdade de Educação, Campinas
GrauMestrado
Data de entrega2006
Data de defesa17.02.2006
Descrição físicav.1; 120 f.
DisponibilidadeBiblioteca Central Unicamp
Fonterepositorio.unicamp.br
ResumoAtravés do olhar da câmera cinematográfica, este estudo busca refletir sobre as formas, cortes, tecidos, ambientes e cores que revelam as imagens do vestir como memória e a roupa como narradora efetiva das emoções de quem as veste. A partir do filme ¿Amor à flor da pele" (Wong Kar-Way, 2000), observamos aspectos que revelam os significados do vestir como escolhas visuais, estéticas e políticas. Assim se resume esta pesquisa.
Observação8 páginas numeradas me romano. Anexo (p.118-20).
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



4 / 8
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: NUNES, Katharine Rafaela Diniz

Título: Uma pesquisa-intervenção criando "animação 3D livre" numa escola pública: educaçãp, cinema e ética hacker

Orientador: Carlos Eduardo Albuquerque Miranda

Universidade: Universidade Estadual de Campinas

Instituição/Programa: Faculdade de Educação - Programa de Pós-Graduação em Educação

Grau: Mestrado

Data de defesa: 12.04.2018

AutorNUNES, Katharine Rafaela Diniz
TítuloUma pesquisa-intervenção criando "animação 3D livre" numa escola pública: educaçãp, cinema e ética hacker
OrientadorCarlos Eduardo Albuquerque Miranda
UniversidadeUniversidade Estadual de Campinas - Faculdade de Educação, Campinas
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em Educação
GrauMestrado
Data de entrega2018
Data de defesa12.04.2018
Descrição físicav.1; 251 f.; ilustrado com documentos de classe.
DisponibilidadeBiblioteca Central Unicamp
Fonterepositorio.unicamp.br
ResumoEsta pesquisa - intervenção acompanha experimentações estéticas entre cinema e animação 3D de código livre que se deram no ambiente escolar. Elas faiscaram através de/impulsionadas por/provocadas por práticas colaborativas de criação - em contato com plataformas virtuais como Blend Swap e Blender Cloud - entre estudantes do Ensino Fundamental 2 e Ensino Médio da Escola Estadual Prof. Francisco Álvares, situada em Campinas - SP. Feitos com software livre e compartilhados através de licenças Creative Commons, os exercícios de experimentação serviram-se de princípios da Ética Hacker e da noção de dispositivo de criação de imagens apresentada por Cezar Migliorin, para propor reflexões sobre desvios e linhas de fuga que possam surgir na elaboração de projetos abertos quando submetidos a linhas de controle e linhas de abertura. Apoiando-se nas "Pistas do método da cartografia", organizadas por Eduardo Passos, Virgínia Kastrup e Liliana da Escóssia, e na ideia de "Igualdade das Inteligências", discutida por Jacques Rancière, observou-se que gestos de experimentação de uma comunidade escolar podem oferecer rearranjos e lançar novos desafios às redes de criação que as culturas de desenvolvimento colaborativo virtuais têm construído até agora. Com esta pesquisa, vislumbra-se contribuir para o debate sobre o lugar da criação e das tecnologias dentro da escola, ao sugerir pistas de potências estéticas escolares para o cinema e para a computação gráfica
ObservaçãoApêndice (p.224-51).
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



5 / 8
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: LANZA, Renata

Título: Conjunções entre escola e cinema: pesquisa-intervenção em duas escolas da Rede Municipal de Ensino de Campinas

Orientador: Carlos Eduardo Albuquerque Miranda

Universidade: Universidade Estadual de Campinas

Instituição/Programa: Faculdade de Educação - Programa de Pós-Graduação em Educação

Grau: Doutorado

Data de defesa: 12.02.2015

AutorLANZA, Renata
TítuloConjunções entre escola e cinema: pesquisa-intervenção em duas escolas da Rede Municipal de Ensino de Campinas
OrientadorCarlos Eduardo Albuquerque Miranda
UniversidadeUniversidade Estadual de Campinas - Faculdade de Educação, Campinas
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em Educação
GrauDoutorado
Data de entrega2014
Data de defesa12.02.2015
Descrição físicav.1; 136 f.; Ilustrado.
DisponibilidadeBiblioteca Central Unicamp
Fonteunicamp.br / bibliotecadigital.unicamp.br
NotasNove anexos (anexo 2: lista de filmes assistidos)..
ResumoEsta pesquisa implica intervenções com a arte cinematográfica em escolas da Rede Municipal de Ensino de Campinas, envolvendo alunos dos anos finais do ensino fundamental (6°, 7° e 8° anos) com o propósito de estabelecer um encontro entre a Educação e o Cinema como Arte na Escola, bem como as possíveis ressonâncias desse encontro para os seres envolvidos. Para tanto, objetivou-se articular a prática escolar com as práticas socioculturais do ver, do criar e inventar filmes. Articulações que chamamos de Práticas Exploratórias. Assim, o leque de ações dessa intervenção baseou-se numa constante alteração entre o ver, o explorar, o experimentar, o criar, o inventar e o aprender com a criação cinematográfica. Para pensar as dimensões possíveis do Cinema como Arte no campo da Educação, enquanto potencializador de gesto de criação, saberes e aprendizagens para si e para os outros, recorreu-se a diversos autores, dentre eles, Alain Bergala, Adriana Fresquet e Milton de Almeida. O método de pesquisa-intervenção foi a inspiração metodológica para entender a atuação da pesquisadora enquanto professora de Matemática em um plano de experimentação de cinema na escola. Crê-se que trabalhar com cinema nessa perspectiva é operar na transversalidade de um plano de experimentação, "trans" formando professores e alunos pela / para arte, criação e invenção de saberes e conhecimentos.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



6 / 8
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: BEZERRA, Carolina Cavalcanti

Título: Caminha, Meirelles e Mauro: narrativas do (re)descobrimento do Brasil - decifrando as imagens do paraíso

Orientador: Carlos Eduardo Albuquerque Miranda

Universidade: Universidade Estadual de Campinas

Instituição/Programa: Faculdade de Educação - Programa de Pós-Graduação em Educação

Grau: Mestrado

Data de defesa: 22.02.2008

AutorBEZERRA, Carolina Cavalcanti
TítuloCaminha, Meirelles e Mauro: narrativas do (re)descobrimento do Brasil - decifrando as imagens do paraíso
OrientadorCarlos Eduardo Albuquerque Miranda
UniversidadeUniversidade Estadual de Campinas - Faculdade de Educação, Campinas
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em Educação
GrauMestrado
Data de entrega2007
Data de defesa22.02.2008
Descrição físicav.1; 90 f.; ilustrado com 14 imagens.
DisponibilidadeBiblioteca Central Unicamp
Fonterepositorio.unicamp.br
ResumoEssa dissertação tem como propositura uma nova leitura sobre o descobrimento do Brasil através das imagens/representações do Paraíso na Terra. A permanência dessa imagem no imaginário coletivo foi a base para o desenvolvimento dessa dissertação, partindo dos seguintes documentos: a Carta de Caminha sobre o descobrimento do Brasil (1500), o quadro A Primeira Missa no Brasil de Meirelles (1860/1) e O Descobrimento do Brasil (1937), filme de Humberto Mauro. A presente incursão pelas narrativas de Pero Vaz de Caminha, Victor Meirelles de Lima e Humberto Mauro sobre as imagens do descobrimento do Brasil - especificamente pela construção da Primeira Missa no Brasil - levaram essa pesquisa por caminhos até então desconhecidos sobre o poder de uma imagem recriada, na formação da memória coletiva.
ObservaçãoTambém aparece como defesa em 28.2.2008 e 4.7.2008 (2007 na página do mestrado). Nove páginas numeradas em romano.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



7 / 8
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: FIGUEIREDO, Priscilla Kelly

Título: Recônditos da Belleza: as práticas corporais em Cinearte e Scena Muda (1921-1941)

Orientador: Carlos Eduardo Albuquerque Miranda

Universidade: Universidade Estadual de Campinas

Grau: Mestrado

Data de defesa: 13.02.2007

AutorFIGUEIREDO, Priscilla Kelly
TítuloRecônditos da Belleza: as práticas corporais em Cinearte e Scena Muda (1921-1941)
OrientadorCarlos Eduardo Albuquerque Miranda
UniversidadeUniversidade Estadual de Campinas - Faculdade de Educação, Campinas
Abragência do estudo1921-1941
GrauMestrado
Data de entrega2006
Data de defesa13.02.2007
Descrição físicav.1; 101 f.
DisponibilidadeBiblioteca Central Unicamp
Fonteprpg.unicamp.br / capes.gov.br / bibliotecadigital.unicamp.br
ResumoEste trabalho é um olhar sobre as práticas corporais nas revistas de cinema Cinearte e Scena Muda entre os anos de 1921 e 1941. As fotografias das revistas foram fontes importantes para tratarem das práticas esportivas, ginásticas, maquiagens, formas de vestir, comer, falar, enfim formas de viver da nova sociedade urbano-industrial brasileira a partir do modelo de Hollywood. As fotografias, ao revelarem essas práticas tratam de um discurso maior: a beleza. As imagens das estrelas de cinema Hollywodianas eram sobretudo modelos a serem copiados de prazer, civilidade, higiene, eugenia e modernidade. A casa e os mais diversos espaços de intimidade são cenários de luxo e espetacularização de um corpo que precisava ser visto e desejado para ser consumido. A educação para a beleza vai ser o discurso norteador de todas as práticas justificando os mais diversos investimentos sobre o corpo.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



8 / 8
Selecionar
Imprimir
Clique para ver +

Autor: GUIMARÃES, Luiz Gustavo

Título: Fazer-cinema na escola

Orientador: Carlos Eduardo Albuquerque Miranda

Universidade: Universidade Estadual de Campinas

Instituição/Programa: Faculdade de Educação - Programa de Pós-Graduação em Educação

Grau: Mestrado

Data de defesa: 22.02.2018

AutorGUIMARÃES, Luiz Gustavo
TítuloFazer-cinema na escola
OrientadorCarlos Eduardo Albuquerque Miranda
UniversidadeUniversidade Estadual de Campinas - Faculdade de Educação, Campinas
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em Educação
GrauMestrado
Data de entrega2018
Data de defesa22.02.2018
Descrição físicav.3; 169 f.; ilustrado com 14 imagens, 33 fotografias e 4 tabelas.
DisponibilidadeBiblioteca Central Unicamp
Fonterepositorio.unicamp.br
ResumoNeste estudo mapeei as marcas de uma experiência/intervenção com o fazer-cinema junto a alunos do ensino fundamental de uma escola pública municipal do interior de São Paulo/Brasil. Para tanto os alunos produziram seus próprios filmes, imagens e sons, partindo da experiência com o primeiro cinema e vivenciaram experiências de criação de imagens, as quais foram registradas utilizando as pistas do método cartográfico tendo nos risos e nas imagens os elementos centrais da reflexão. Nesta trajetória de vivência com o "estrangeiro" (cinema) na escola, pousei o olhar no processo de criação dos alunos, suas obras, seus gestos de aprender, desaprender e reaprender, seus risos e corpos, máquinas e dispositivos.
Observação16 apêndices e anexos.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar

Conteúdo eletrônico



página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
Pesquisar (apenas um termo por linha):
no campo:
 
1     
2   
3