logo

Termo(s) de pesquisa:
ID_TE20191219035126
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 1
Selecionar
Imprimir
AutorFONSECA, Jivago Oliveira da
TítuloA humanidade pelo ralo: relações sociais enquanto montagens perversas em O Cheiro do ralo de Lourenço Mutarelli e Heitor Dhalia
OrientadorCarlos Augusto Viana da Silva
UniversidadeUniversidade Federal do Ceará - Centro de Humanidades, Fortaleza
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em Letras
GrauMestrado
Data de entrega2017
Data de defesa2017
Descrição físicav.1; 153 f.; ilustrado com 16 imagens.
DisponibilidadeBiblioteca Central UFCE
Fonterepositorio.ufc.br
ResumoEm O Cheiro do Ralo (2002), do escritor paulista Lourenço Mutarelli, encontramos a trajetória de um imoral comprador de objetos usados que se utiliza de sua posição de poder com o propósito de submeter os sujeitos ao seu redor, objetificando-os e instrumentalizando-os a fim de satisfazer os desejos perversos dele – frutos de uma lógica mercadológica que cada vez mais permeia as ações dos sujeitos na sociedade contemporânea. O presente estudo propõe identificar as potencialidades referencial e crítica do romance O Cheiro do Ralo de Mutarelli e de sua adaptação cinematográfica homônima dirigida por Heitor Dhalia (2006) a partir de uma análise de como, em cada uma dessas formas textuais, as relações humanas, inerentes a um contexto sociocultural norteado pelo mercado e pelo espetáculo, são representadas como ações legitimadoras da perversão social. Inicialmente [...[
Acesso eletrônicoONLINE - http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37938




página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
   
Todas as palavras (AND)    Qualquer palavra (OR)