logo

Termo(s) de pesquisa:
ID_TE20191123033530
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 1
Selecionar
Imprimir
AutorSILVA, Alberto Inácio da
TítuloArcaismos e modernidade: as contradições dos modelos femininos e masculinos no cinema brasileiro da ditadura - Um olhar sobre os filmes de Ana Carolina e Arnaldo Jabor
OrientadorAntonio Paulo de Morais Rezende
UniversidadeUniversidade Federal de Pernambuco, Recife
Instituição/ProgramaPrograma de Pós-Graduação em História
GrauDoutorado
Data de entrega2010
Data de defesa01.11.2010
Descrição físicav.1; 450 f.
DisponibilidadeBiblioteca Central UFPE
Fontecapes.gov.br / crbc-thesaurus.ehess.fr
ResumoEntre os anos 60 e 80, as sociedades ocidentais foram invadidas pelas reivindicacões dos grupos historicamente oprimidos que puseram em causa a dominacão patriarcal. No Brasil, essas reivindicacões chocaram-se com a ditadura militar instaurada em 1964 e legitimada pelos valores conservadores “Deus/pátria/família”. Neste trabalho, propomos uma análise da maneira como essas contestacões e transformacões políticas, sociais e econômicas influenciaram e definiram as representacões das identidades e relacões de sexo no cinema brasileiro da época. Com esse objetivo, nos detivemos sobre o trabalho de um diretor, Arnaldo Jabor, e de uma diretora, Ana Carolina. Essas filmografias abrangem as três décadas consideradas e oferecem, na verdade, um material muito importante para compreendermos a representacão cinematográfica do masculino e do feminino em um país que, durante todo o período estudado, e sempre confrontado com as contradicões entre modernidade e arcaísmo.
ObservaçãoTese defendida em co-tutela com a Université de Paris IV-Sorbonne Nouvelle com o título Archïsmes et modernité. Les contradictions des modèles féminins et masculins dans le cinéma brésilien de la dictature: un regard sur les films d'Ana Carolina et Arnaldo Jabor.




página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
   
Todas as palavras (AND)    Qualquer palavra (OR)