logo

Termo(s) de pesquisa:
ID_TE20191102030922
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 1
Selecionar
Imprimir
AutorOLIVÉRIO, Ana Christina Nacif Dias de Carvalho
TítuloA representação do trabalho na ficção audiovisual brasileira - o filme A Selva e a minissérie Amazônia: de Galvez a Chico Mendes
OrientadorMaurício Reinaldo Gonçalves
UniversidadeUniversidade de Sorocaba, Sorocaba
Instituição/ProgramaMestrado em Comunicação e Cultura
GrauMestrado
Data de entrega2009
Data de defesa01.08.2009
Descrição físicav.1; 142 f.
DisponibilidadeBiblioteca Uniso
Fontecapes.gov.br / uniso.br
ResumoO objetivo principal do presente trabalho é verificar como a comunicação de massa representa as relações de trabalho no Brasil, um país onde as produções audiovisuais, especialmente as televisivas, encontram-se maciçamente presentes na cultura e referenciais do povo, podendo essas, com suas narrativas, atuar de maneira positiva ou negativa para a manutenção do sistema vigente, o capitalismo. Ao analisar dois discursos audiovisuais – o filme A Selva, de Leonel Vieira, e a minissérie Amazônia: de Galvez a Chico Mendes, de Glória Perez – são identificadas nas obras possíveis leituras das relações de trabalho e as relações sociais por essas geradas. Inicialmente são verificadas algumas representações que tiveram a Amazônia como cenário. Fala-se sobre os conceitos de ideologia e como esta se faz presente em discursos ideológicos de produtos audiovisuais. Para um melhor aprofundamento é discutida de maneira mais detalhada a narrativa clássica, uma vez sendo essa a forma de discurso audiovisual mais utilizada nas produções ocidentais. O tema cultura e a sua relação com os meios de comunicação de massa é abordado. Também é verificada a relação entre indústria cultural e cultura de massa, e seus efeitos na sociedade. O cinema e a televisão são analisados como meios audiovisuais de comunicação da indústria cultural. Faz-se um apanhado sobre o trabalho ao longo da história da humanidade, dando maior destaque para o sistema capitalista, suas bases e principais conceitos. A fim de contextualizar o tema na sociedade brasileira, temos uma recapitulação do desenvolvimento do trabalho no Brasil. Por fim, temos a análise das obras “A Selva” e “Amazônia: de Galvez a Chico Mendes”. Assim são reconsideradas as hipóteses, consolidando-as ou invalidando-as. Há uma busca de significações e possibilidades de comunicação dos elementos do texto que possibilitam gerar leituras das relações de trabalho e das relações sociais dentro dos dois discursos. As duas obras audiovisuais são examinadas tecnicamente e desmontadas, a fim de desdobrar suas significações. São identificadas possíveis leituras que determinadas cenas, personagens e histórias podem suscitar. O que é proposto é uma investigação que perceba como cada obra reafirma ou contesta uma ou outra ideologia.
Acesso eletrônicoONLINE - http://comunicacaoecultura.uniso.br/prod_discente/2009/pdf/ana_nacif.pdf




página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
   
Todas as palavras (AND)    Qualquer palavra (OR)