logo

Termo(s) de pesquisa:
ID_TE20191007041725
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 1
Selecionar
Imprimir
AutorANDRADE, Matheus José Pessoa de
TítuloA saga de Lampião pelos caminhos discursivos do cinema brasileiro
OrientadorIvone Tavares de Lucena
UniversidadeUniversidade Federal da Paraíba - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, João Pessoa
GrauMestrado
Data de entrega2007
Data de defesa01.04.2007
Descrição físicav.1; 141 f.
DisponibilidadeBiblioteca Central UFPB
Fontecapes.gov.br / ufpb.br
ResumoCom base na perspectiva francesa de Análise do Discurso, o presente trabalho trata do texto fílmico como materialidade - verbal e imagética - sobre a qual os processos discursivos atuam movendo sentidos. Neste processo, aborda-se o discurso do cinema brasileiro sobre o cangaço e seu legítimo representando: o cangaceiro Virgulino Ferreira da Silva, vulgo Lampião. Assim, o trabalho consiste em analisar os aspectos discursivos da reutilização das imagens originais do Capitão Virgulino e seu bando no filme Baile Perfumado, de Paulo Caldas e Lírio Ferreira, datado em 1996. As imagens documentais são do filme Lampião, o Rei do Cangaço, realizadas por Benjamin Abrahão, em 1936. O remanejamento de tal materialidade para outro texto fílmico, consequentemente, implica na rearticulação de sentidos diversos devido à nova condição histórica e enunciativa das únicas imagens de Lampião, refletindo, diretamente, em efeitos de sentido pelo jogo discursivo em questão e na reconstrução discursiva, no cinema brasileiro, do autêntico "Rei do Cangaço".




página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
   
Todas as palavras (AND)    Qualquer palavra (OR)