logo

Termo(s) de pesquisa:
ID_TE20190922040644
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 1
Selecionar
Imprimir
AutorRIZZO, Talitha Helena Souza
TítuloAs formas da adaptação cinematográfica e o narrador Brás Cubas
OrientadorHelena Bonito Couto Pereira
UniversidadeUniversidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo
Instituição/ProgramaMestrado em Letras
GrauMestrado
Data de entrega2007
Data de defesa11.12.2007
Descrição físicav.1; 127 f.
DisponibilidadeBiblioteca Central Mackenzie
Fontecapes.gov.br / tede.mackenzie.br
ResumoO presente trabalho trata da relação entre literatura e cinema, discutindo a questão do ponto de vista teórico, além de trazer uma aplicação prática de análise, em que se traça um estudo comparativo entre textos das duas esferas semióticas. Nos capítulos teóricos, discute-se, em primeiro lugar, a questão da adaptação cinematográfica, atentando-se especificamente para as suas relações com a literatura. A visão aqui adotada baseia-se no contexto bakhtiniano do dialogismo e procura afastar-se do veio crítico bastante comum que fundamenta as análises romance-filme na discussão da fidelidade e que compreende adaptação como uma forma de tradução. O trabalho traz ainda material teórico relacionado à focalização nas narrativas ficcionais. Debate-se tal questão no que diz respeito tanto à teoria literária como à linguagem fílmica, apontando para fatores de aproximação bem como afastamento entre as duas. A análise tratará o romance Memórias póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis e no filme Memórias póstumas, de André Klotzel, da configuração do foco narrativo em cada uma delas separadamente, complementando-se por um momento de ponderação da relação entre as obras.
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar




página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
   
Todas as palavras (AND)    Qualquer palavra (OR)