logo

Termo(s) de pesquisa:
ID_TE20190708032801
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 1
Selecionar
Imprimir
AutorSOUZA, Lucas Moreira Soares de
TítuloA expressão distópica no cinema de Denys Arcand
OrientadorAna Rosa Ramos
UniversidadeUniversidade Federal da Bahia - Instituto de Humanidades, Artes e Ciências, Salvador
Instituição/ProgramaPrograma Multidisciplinar de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade
GrauMestrado
Data de entrega2014
Data de defesa2014
Descrição físicav.1; 251 f.; ilustrado.
DisponibilidadeBiblioteca Central Ufba
Fonterepositorio.ufba.br
ResumoA tese tem como objetivo geral a investigação dos processos de ressignificação dos signos distópicos no cinema dirigido por Denys Arcand. Para traduzir a linguagem teórica a respeito desse fenômeno social e artístico em análise fílmica, selecionamos três longa metragens de ficção do diretor: O declínio do império americano (1986); As invasões bárbaras (2003); e A era da inocência (2007). As análises semióticas dos filmes sustentar-se-ão com debates acerca de temáticas típicas da pós-modernidade, já que a cultura pós-moderna, segundo Dei (2002), é o rosto desnudo, a manifestação distópica das utopias da modernidade. Para realizar tal objetivo, cada temática específica atuará como eixo integrando à discussão passagens, ações, cenas, diálogos e dramatizações das três tramas fílmicas, que correspondem ao tema abordado em cada capítulo. A inter-relação entre os filmes consiste em reuni-los e articulá-los numa discussão em torno de diferentes eixos temáticos, que representam as preocupações do diretor canadense em uma era antiutópica na qual a globalização gera um impacto sobre a construção das narrativas mais recentes de Arcand. [...]
Acesso eletrônicoONLINE - https://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/15829




página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
   
Todas as palavras (AND)    Qualquer palavra (OR)