logo

Termo(s) de pesquisa:
ID_TE20190629040444
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 1
Selecionar
Imprimir
AutorLEÃO, Carolina Morgado
TítuloA trilha musical do cartoon no período clássico do cinema
OrientadorClaudiney Rodrigues Carrasco
UniversidadeUniversidade Estadual de Campinas - Instituto de Artes, Campinas
GrauMestrado
Data de entrega2013
Data de defesa29.08.2013
Descrição físicav.1; 122 f.; ilustrado com 33 imagens.
DisponibilidadeBiblioteca Central Unicamp
Fonterepositorio.unicamp.br
ResumoDesde os primórdios do que entendemos hoje como cinema, já se fazia uso de intervenções sonoras. O acompanhamento musical era normalmente executado ao vivo, através de um pianista, um improvisador ou, as vezes, por uma pequena orquestra. Com o passar das décadas, o som para animação foi se transformando e assim, cada vez mais atrelou-se às imagens, se fundindo e unificando. Já na década de 1930, os desenhos animados formam um poderoso elo com a música, produzindo com isso, uma gama de cartoons musicados. Deste momento em diante, a trilha musical recebe a função de narrativa, sua articulação com a imagem cria um significado e possibilita a compreensão do espectador na história. A compreensão do som está associada ao acordo que existe entre o emissor e o espectador, quando este, em uma exibição, entra na sala para "ver-ouvir" uma história contada. O alicerce preeminente na projeção é a narrativa. Portanto, a trilha sonora, através do sincronismo, do seu uso de forma poética e também, através do uso de sons que de certa forma, já estão na memória de toda a sociedade ocidental, integra a articulação e a organização da narrativa na animação, compondo assim, um elemento de sua montagem. E desta maneira, a percepção fílmica é de fato audio-visual e permite numerosas combinações entre sons e imagens animadas.
Observação14 páginas numeradas em romano; dois anexos com entrevista com Daniel Goldmark e relação de DVDs citados (p.116-22).
Acesso eletrônicoONLINE - http://repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/284495




página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
   
Todas as palavras (AND)    Qualquer palavra (OR)