logo

Termo(s) de pesquisa:
ID_TE20190122021700
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 1
Selecionar
Imprimir
AutorRAMOS, Clara Leonel
TítuloA construção do personagem no documentário brasileiro contemporâneo: autorrepresentação, perfomance e estratégias narrativas
OrientadorHenri Pierre Arraes de Alencar Gervaiseau
UniversidadeUniversidade de São Paulo - Escola de Comunicações e Artes, São Paulo
GrauDoutorado
Data de entrega2013
Data de defesa09.08.2013
Descrição físicav.1; 264 f.
DisponibilidadeBiblioteca ECA
Fonteteses.usp.br
ResumoA pesquisa tem por objetivo investigar o processo de construção de personagens na produção documentária brasileira contemporânea a partir da noção de autorrepresentação do sujeito filmado, tendo como hipótese inicial a ideia de que o estatuto da personagem no filme se define a partir da tensão entre a performance da pessoa real, seu projeto de atuação e as estratégias enunciativas do autor. Partindo da apresentação de uma proposta de definição da autorrepresentação - que rejeita a premissa de que a encenação deva ser analisada dentro do binômio de verdade e falsificação - a pesquisa se desenvolve tendo como recurso fundamental a análise fílmica imanente. Foram selecionados quatro filmes brasileiros contemporâneos como corpus central de análise: Entreatos (João Moreira Salles, 2004), Juízo (Maria Augusta Ramos, 2007), Serras da Desordem (Andréa Tonacci, 2008) e Jogo de Cena (Eduardo Coutinho, 2007). As análises fílmicas se organizam a partir dos diferentes níveis de consciência dos sujeitos filmados em relação à própria performance e buscam investigar até que ponto essa consciência implica num maior ou menor nível de autenticidade. Conectando os dois eixos centrais de reflexão - do desempenho e das estratégias enunciativas que o transcendem - se coloca a questão que sintetiza o desafio maior da pesquisa: como avaliar o quão bem representada é uma pessoa?
Acesso eletrônicoONLINE - Clique para acessar




página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
   
Todas as palavras (AND)    Qualquer palavra (OR)