logo

Termo(s) de pesquisa:
ID_TE20180929133819
Registros encontrados:
página 1 de 1


1 / 1
Selecionar
Imprimir
AutorPUCCI JÚNIOR, Renato Luiz
TítuloCinema brasileiro pós-moderno: estilo paradoxal em direção a uma poética
OrientadorIsmail Norberto Xavier
UniversidadeUniversidade de São Paulo - Escola de Comunicações e Artes, São Paulo
GrauDoutorado
Data de entrega2003
Data de defesa2003
Descrição físicav.1; 312 f.
DisponibilidadeBiblioteca da ECA
Fontededalus,usp.br
PublicaçãoPUCCI Jr, Renato Luiz. Cinema brasileiro pós-moderno. Porto Alegre, Editora Sulina, 2008.
ResumoO conceito de "cinema pós-moderno" é aqui proposto como central para a análise do modo narrativo presente na "trilogia paulistana da noite", composta pelos filmes Cidade Oculta (Francisco Botelho, 1986), Anjos da Noite (Wilson Barros, 1987) e A Dama do Cine Shangai (Guilherme de Almeida Prado, 1988). A metodologia adotada para chegar à conceituação consiste na comparação estilística entre os filmes pós-modernos e exemplares brasileiros da cinematografia clássica e das três variantes do cinema moderno apontadas por David Bordwell em Narration in the Film Fiction. Este trabalho identifica e comenta elementos que, em conjunto, não existem no cinema brasileiro pelo menos até o final da década de setenta, como a paródia lúdica, o esteticismo que não se resume à arte pela arte e a relação ambivalente quanto à cultura de massa. Define-se o estilo da mencionada trilogia pelo caráter paradoxal, no sentido utilizado por Linda Hutcheon em Poética do Pós-modernismo, ou seja, uma auto-contraditória combinação de sistemas heterogêneos. Através da conceituação de "cinema pós-moderno", é possível identificar outros filmes nacionais dos anos oitenta e posteriores que seguem as mesmas normas estilísticas que os filmes analisados.




página 1 de 1

Banco de teses sobre Cinema Brasileiro

   
   
Todas as palavras (AND)    Qualquer palavra (OR)